Gestão de Energia em Sistemas de Energia Eléctrica (licenciatura - Opção)

Corpo docente

Programa

Bibliografia

Sequências de slides

Sumários

Seminários

Provas de avaliação

Regras de avaliação

Datas de avaliação

Resultados de avaliação


Corpo docente

No ano lectivo de 2002/2003 o docente da disciplina de GE-SEE é:

A. Gomes Martins

[topo]

Síntese do programa

0. Introdução
Organização e gestão de sistemas eléctricos de energia - perspectiva da evolução dos SEE e tendências actuais. Da concorrência ao monopólio natural e do monopólio natural à concorrência
1. Condicionamento da procura de energia eléctrica (DSM).
1.1. A URE na perspectiva do operador de electricidade, no curto e no longo prazo - questões de economia e fiabilidade. O conceito de gestão da procura de electricidade (DSM) e principais alternativas de concretização - os "objectivos do DSM". Enquadramento no modelo de gestão adequado dos SEE.
1.2. Conceito de recurso energético "do lado da procura" versus recurso "do lado da oferta". Distinçäo entre procedimentos de controlo directo remoto de consumos finais e procedimentos de condicionamento indirecto da procura por estímulos económico no âmbito da gestão da procura de electricidade (DSM). Influência dos tipos de tarifas.
1.3 Influência da URE no planeamento energético - planeamento integrado.
1.3.1. Conceitos gerais sobre planeamento em sistemas de energia eléctrica (SEE). As principais fases do planeamento. Diferenças entre os sistemas de geração, de transporte e de distribuição.
1.3.2. A aproximação clássica ao planeamento em SEE e evolução recente. O problema da segurança do abastecimento..
1.3.3. A influência da gestão da procura de electricidade (DSM) no planeamento de SEE.
1.4. O conceito de planeamento a custo mínimo ("least-cost planning").


2. Tendência de evolução dos SEE - desmembramento, livre concorrência, livre acesso às redes - implicações técnicas e económicas de curto e de médio prazo.

2.1 Modelos possíveis de organização da indústria da electricidade - motivações.
2.2 Aspectos técnicos ligados à liberalização do sector eléctrico - condução das redes, tarifação.
2.3 O caso do sector eléctrico em Portugal - principais aspectos organizativos.
2.4 Influência da evolução actual do modo de propriedade, do quadro regulatório e do modelo de gestão na prática de condicionamento da procura pelas empresas do sector eléctrico.
 [topo]

Bibliografia

1- Gellings, C. e outro
Demand-Side Management - Concepts and Methods
Fairmont Press, Inc., 1991
2- Hunt, S. e Shuttleworth, G.
Competition and choice in electricity
Wiley, 1996
3- Directiva 96/92/CE (estabelece regras comuns para o mercado interno da electricidade)
19 Dezembro, 1996
4- ERSE (Entidade Reguladora do Sector Eléctrico)
Caracterização do Sector Eléctrico - Portugal Continental, 1999
2000
Caracterização do Sector Eléctrico - Portugal Continental, 2000
2001
Caracterização do Sector Eléctrico - Portugal Continental, 2001
2002
5- ERSE
Mercado Interno de Electricidade - Abertura de Mercado em Portugal Continental
6- ERSE
Regulamento tarifário - 1998
Regulamento tarifário - 2001
7- ERSE
Regulamento do Acesso às Redes e às Interligações - 2001
8- ERSE
Regulamento de Relações Comerciais - 2001
9- Neves, L
Avaliação de acções de condicionamento da procura de energia (principalmente o Capítulo 1)
Tese de mestrado, DEE-FCTUC, 1998
10- Martins, A. e Jorge, H.
Demand-Side Management in less developed western countries - a realistic option?
Proc. 4th International Energy Efficiency and DSM Conference, October 1995, Berlim, pp.129-138
11- Martins, A.
Energy Efficiency vs. Economic Efficiency - Balance or Pressure?
Proc. of the 1997 European Council for an Energy-Efficient Economy (ECEEE) Summer Study, June 1997, Czech Republic, pp. ID116-p1-ID116-p8.
12- ERSE
Parâmetros para o triénio 2002-2004 e Tarifas e preços para a energia eléctrica e outros serviços em 2002

[topo]

Sumários

(clique para download dos sumários disponíveis em cada momento)





[topo]

Sequências de slides

Ficam aqui as apresentações de temas de que existem suportes electrónicos

1. Transição do monopólio natural para o mercado no sector eléctrico
2.  A actividade de transporte de energia eléctrica num mercado liberalizado
3. A actividade de comercialização de energia eléctrica num mercado liberalizado
4. A abertura do mercado no sector eléctrico em Portugal
5. Princípios de regulação ecnómica aplicados ao sector eléctrico
6. O Regulamento de Acesso às Redes e às Interligações (RARI)
7. Funções da empresa concessionária da Rede Nacional de Transporte
8. Funções do distribuidor vinculado
9. O Regulamento das Relações Comerciais (RRC)
10. O Regulamento Tarifário

[topo]

Seminários
Constituição dos grupos
Temas
Calendário

[topo]

Provas de avaliação

Enunciado da prova de frequência
Enunciado da prova de exame (época normal)
Enunciado da prova de exame (época de recurso)
[topo]

Regras de avaliação

A disciplina de GE-SEE tem duas componentes de avaliação: uma prova escrita e seminários realizados nas aulas.
No ano lectivo de 2002/2003 a prova escrita é com consulta e pode realizar-se numa das épocas de exame previstas no calendário escolar da FCTUC.
Cada seminário é realizado por um grupo de alunos, que devem preparar uma síntese de uma página A4, a distribuir na aula por todos os presentes, a qual servirá de base a uma exposição sobre um tema proposto pelo docente, seguida de discussão com toda a turma.
A avaliação de cada aluno é influenciada pelas presenças nas aulas.
O seminário representa 2,5 valores. Os restantes 17,5 valores correspondem à prova escrita.

[topo]
 
 

Datas de avaliação

Frequência: 3 de Janeiro de 2003
Exame de época normal: 24 de Janeiro de 2003
Exame de época de recurso: 14 de Fevereiro de 2003

Recomenda-se a consulta do mapa de avaliações publicitado em devido tempo pela Comissão Pedagógica do DEE .

[topo]

Resultados de avaliação

Resultados da avaliação de frequência
Resultados da avaliação de exame final (época normal)
Resultados da avaliação de exame final (época de recurso)
[topo]